Compartilhamentos

A Rua Claudomiro de Moraes, que liga os bairros Santa Rita e Buritizal às demais localidades da zona sul da capital foi bloqueada nesta sexta-feira, 13, por moradores que protestavam contra o atraso no início das obras de asfaltamento prometidas pela Prefeitura de Macapá.

Os moradores queimaram pneus e não se intimidaram com a chegada da Polícia Militar. O Corpo de Bombeiros foi chamada para apagar as chamas que soltaram uma densa fumaça negra e tóxica que invadiu casas e estabelecimentos comerciais do trecho.

Moradores fecham Rua Claudomiro de Moraes no Buritizal

Moradores fecham Rua Claudomiro de Moraes no Buritizal

Os manifestantes dizem que receberam visitas de gestores da prefeitura na atual e na gestão passada que teriam prometido asfaltar o lugar que compreende trechos dos bairros Nova Esperança, Santa Rita e Buritizal. É a única parte da região que não tem asfalto e fica bem próximo ao cemitério São José. “Até bicicleta levanta a poeira aqui. Estamos cansados de ouvir tanta promessa e nada acontece. Daqui a pouco vai começar o inverno de novo e vem o lamaçal”, esbravejou um morador que não quis revelar o nome.

Secretaria de Obras de Macapá admitiu que não tem nenhuma programação para asfaltar o local neste restante de verão. E que atualmente estão sendo realizadas obras de drenagem na parte mais baixa do bairro para evitar alagamentos durante as chuvas.

Moradores fecham Rua Claudomiro de Moraes no Buritizal

Moradores fecham Rua Claudomiro de Moraes no Buritizal

Compartilhamentos