Compartilhamentos

Procuradores x GEA

Arrebentou de vez a corda entre o governo e os procuradores do Estado. Além do pedido de investigação do processo de compra do helicóptero do GTA, os procuradores pediram também que o MPF apure o aluguel do prédio onde a Prog será instalada. O estado estaria pagando R$ 53 mil desde novembro do ano passado, mas o prédio ainda estaria em construção. O contrato de locação, de 5 anos, tem numa das cláusulas a preferência de venda do imóvel para o governo do Estado.

 

Miranda, a fênix?

Mesmo com bens bloqueados, Miranda tem apoiadores que podem viabilizar uma candidatura

Mesmo com bens bloqueados, Miranda tem apoiadores que podem viabilizar sua candidatura

Há quem duvide que com o patrimônio todo bloqueado por determinação do STJ, o conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado, Júlio Miranda, consiga viabilizar financeiramente sua candidatura a deputado estadual. O ministro João Otávio de Noronha, que conduz o inquérito da Operação Mãos Limpas, determinou o bloqueio dos aluguéis que Miranda recebia por dezenas de imóveis no Nordeste, incluindo lojas comerciais em um shopping center. Por outro lado, Miranda ainda teria fortes aliados no Amapá dispostos a articular a arrecadação de donativos de campanha. É esperar!

 

Fim da lixeira

Representantes da Eletronorte e da prefeitura de Santana definiram nesta terça-feira, 21, uma nova data para o fechamento definitivo da lixeira pública da Rodovia Duca Serra, e não será mais no fim deste mês. A nova data é 31 de março. Técnicos da Eletronorte ficaram de elaborar um projeto de remediação da lixeira para transformar o lugar num horto municipal. Falta definir se parte do lixo que hoje está na lixeira será transportada para o aterro controlado de Macapá ou se ficará tudo enterrado onde está.

 

Novo porto

Já está em frente à Fazendinha o novo porto flutuante da Zamin Ferrous. A estrutura vai substituir o porto da Anglo American que desabou há quase um ano matando seis pessoas. O porto foi fabricado na Holanda e vai reativar a exportação de minério pela antiga estrutura da Icomi.

 

PSB e PDT de mãos dadas

Em Laranjal do Jari, Bode Queiroga, do PDT, pode contar com o PSB

Em Laranjal do Jari, Bode Queiroga, do PDT, pode contar com o PSB

Tem um lugar no Amapá onde o PSB e o PDT andam de mãos dadas. Em Laranjal do Jari a vereadora Aline Serrão, do PSB, é líder do governo na Câmara, responsável pelo diálogo entre os parlamentares e o prefeito Bode Queiroga, do PDT.

Estilo Sucupira

O macapaense tomou um susto na manhã desta terça-feira, 21. Se o desembargador Gilberto Pinheiro visse também se espantaria. Foi uma espécie de desfile dos caminhões coletores de lixo da empresa Terra Plena, no melhor estilo Odorico Paraguaçú. A empresa é pivô de uma batalha judicial cujo último capítulo foi o cancelamento da licitação realizada pela prefeitura que a escolheu como a empresa que fará o recolhimento do lixo de Macapá. A decisão é liminar, mas ainda não foi derrubada. A Terra Plena, pelo visto, não está muito preocupada com isso e parece que chegou para ficar.

 

Helena e o PMB

Helena Guerra comanda o programa "Palavra de Mulher", todos sábados. Na política tem trabalhado na organização do PMB

Helena Guerra comanda o programa “Palavra de Mulher”, todos sábados. Na política tem trabalhado na organização do PMB. Foto: UVA

A ex vice-prefeita de Macapá, Helena Guerra, anda sumida da vida pública como política. Dona de um capítulo importante na história política do Estado por ter sido vereadora por cinco mandatos consecutivos, Helena agora tem se dedicado ultimamente a duas coisas: o rádio, onde tem um programa de músicas antigas que vai ao ar todo o sábado, e ao PMB, o Partido da Mulher Brasileira.

 

Pássaros Cantam na Chuva

O show Música de 1988 traz novidades, mas sem abrir mão da poesia

O show Música de 1988 traz novidades, mas sem abrir mão da poesia

A banda amapaense de folk experimental, Pássaros Cantam na Chuva (PCNC), prepara um novo show-espetáculo com uma avant premier nesta sexta-feira, 24, no Estaleiro Cultural Marco Zero, no bairro Perpétuo Socorro. A apresentação começa às 20h. O show marca o retorno aos palcos do grupo que ficou parado por quase um ano.

 A banda tem um lado poético, com letras autorais e também declamação de poesia durante o show. A banda nasceu em 2010 e já realizou diversos trabalhos autorais como o projeto “Flores na Varanda”, que homenageia escritores nacionais e locais, além de já terem lançado quatro EP’s, que são mini CDs com 4 faixas. O show intitulado “Música de 1988” vem cheio de novidades. A banda que tem suas raízes nas levadas do folk, blues e jazz, e promete surpreender os fãs com novos arranjos.

 

 

Compartilhamentos