Compartilhamentos

O resultado foi positivo nas operações de fiscalização da Lei Seca em Macapá durante as festas de fim de ano. Segundo o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (Bptran), em comparação com o réveillon anterior houve uma redução de 20% na quantidade de autuações. E o melhor, sem registro de mortes no trânsito durante a noite e madrugada de festa.

De 24 autuações feitas entre os dias 31 de dezembro e 1° de janeiro, a maioria, 16, foram por excesso de álcool. Cada motorista terá que pagar uma multa no valor de R$ 1,9 mil. As outras multas aplicadas ocorreram por irregularidades na documentação dos veículos.

Em cinco anos de operação o Batalhão de Trânsito da PM acumula boas estatísticas no trânsito de Macapá. Em 2012, 36 pessoas morreram vítimas de automóvel e motocicletas, no ano passado 16 mortes foram registradas no mesmo período. A estatística do Bptran leva em consideração apenas as mortes que ocorrem no local do acidente.

Coronel Jesimar Barroso sentado na sala de controle de acidentes de trânsito do BPTRAN

Tenente-coronel Barroso afirma que motoristas estão mais conscientes

Para o comandante do Batalhão de Trânsito, o tenente-coronel Barroso, a sociedade está mais consciente no trânsito. “Observamos muitas pessoas chegando e voltando de táxi, isso mostra uma consciência maior da sociedade com a sua vida e também com a vida do próximo”, destacou.

Apesar da capital ser grande, o Bptran resolveu concentrar toda a operação em um único ponto. Na rotatória da Avenida Jovino Dinoá com a Rodovia JK, do dia 31 de dezembro a 1ª de janeiro, mobilizando 40 pessoas entre policiais, guardas municipais, agentes da Companhia de Trânsito e Detran. Apenas um veiculo foi apreendido e foram registrados quatro acidentes de trânsito, envolvendo carros, motos e ciclistas. “A frota de veículos de Macapá aumentou, a população cresceu e conseguimos reduzir o número de acidentes e mortes no trânsito”, destacou o comandante.

Apesar das festividades terem chegado ao fim, Barroso frisou que serão constantes blitz durante todos os fins de semana.

Compartilhamentos