Compartilhamentos

A chuva que caiu durante a madrugada de domingo, 9, causou alagamentos em vários pontos da capital. No bairro Santa Rita, por exemplo, teve morador precisam usar canoa para sair de casa.

A área que ficou alagada no bairro Santa Rita já enfrenta esse problema há pelo menos 10 anos. O trecho onde passa a Rua Santa Catarina é o local mais atingido, porque fica próximo de um canal. A falta de limpeza e o crescimento desordenado de casas no curso do canal impedem o escoamento da água da chuva.

Rua Santa Catarina com a Avenida Silas Salgado, um rio

Rua Santa Catarina com a Avenida Silas Salgado, um rio

Na Avenida Silas Salgado, no bairro Santa Rita, os moradores também foram afetados pelo alagamento. A avenida virou um rio. Apesar dos transtornos, a Defesa Civil não recebeu nenhum chamado para transferir famílias que tiveram casas alagadas. A Defesa Civil tem uma lista com cerca de 70 pontos de alagamentos da capital, mas uma empresa está atualizando esses dados.

Pela manhã uma moradora precisou usar uma canoa para sair de casa. “Todo ano é a mesma coisa. Dizem que tem um bueiro entupido, que uma casa foi construída por cima do canal, mas nunca resolvem nada”, desabafou dona Renilda de Almeida, de 60 anos, e que mora há seis no local. Pelo visto, dona Renilda não poderá se livrar da embarcação tão cedo.

 

Compartilhamentos