Compartilhamentos

Foto acima de Adinaelson Lobato da Conceição, de 31 anos e Alexandre Júnior Lobato da Conceição de 38 anos, ambos procurados por assaltos 

O fim de semana foi movimentado para as equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que conseguiram prender cinco pessoas suspeitas de envolvimento em casos de roubo na Capital. Quatro tinham mandados de prisão. O primeiro caso aconteceu na manhã do sábado, 15, no Marabaixo VI.

 

Na casa de Euzébio os policiais encontraram o celular de um policial que foi vítima de assalto

Na casa de Euzébio os policiais encontraram o celular de um policial que foi vítima de assalto: Fotos/PM

José Júnior Euzébio dos Santos, de 30 anos foi preso em uma residência na Avenida Jardim América, após uma denúncia anônima de um morador. Segundo o denunciante, o infrator havia entrado em sua casa há menos de duas semanas. “Após as diligências nos encontramos, em meio ao material apreendido em um quarto da residência o celular de um policial que havia sofrido um assalto à residência há cerca de um mês. Mais um roubo que irá consta na ficha do assaltante”, contou o policial plantonista da Diretoria Operações do Bope, sargento Facundes.

Além de ter um mandado em aberto por roubo, José Júnior foi reconhecido pelo policial proprietário do celular encontrado na residência. “Além desses crimes, ele também estava foragido do Iapen desde o fim do ano passado”, acrescentou o oficial do Bope de plantão.

José Júnior e Rubiene, que foi presa por ser apontada como coautora de assalto

José Júnior e Rubiene, que foi presa por ser apontada como coautora de assalto

 

Também foi presa Rubiene Araújo Mourão, de 27 anos, esposa do assaltante. Contra ela não consta nenhum mandado, mas ela foi presa como cúmplice depois de também ser reconhecida por uma das vítimas como coautora dos assaltos. Ela foi enquadrada também no artigo 288, formação de quadrilha.

 

Outra dupla também foi presa no bairro Infraero no domingo, 16, após uma denúncia anônima. Segundo o denunciante, dois foragidos do Iapen encontravam-se em uma residência na Rua Carlos Lins Cortes. As denúncias também os apontaram como autores assaltos em alguns bairros que ocorreram no bairro. “Nesse caso encontramos os dois em via pública após a denúncia, e após a averiguação dos nomes constatamos que eram Adinaelson Lobato da Conceição, de 31 anos e Alexandre Júnior Lobato da Conceição de 38 anos e que constava um mandado em aberto para ambos”, explicou o sargento Facundes. Os dois foram encaminhados para o Cisop pacoval de onde seguiram para o Iapen.

Daniel, 18 anos: novo na idade, mas velho no crime

Daniel, 18 anos: novo na idade, mas velho no crime

Drogas apreendias na casa de Daniel de Moraes

Drogas apreendidas na casa de Daniel de Moraes

O último caso de prisão no fim de semana aconteceu por volta das 23 horas do domingo. Daniel de Moraes Ruduleiro, de 18 anos foi preso após ser pego com 35 cabeças de crack em frente a uma boate no bairro do Muca. O traficante, apesar de novo, já tem dois mandados de prisão, um por roubo e outro por tráfico de drogas. “Será a primeira vez que ele será enviado ao Iapen, mas já tínhamos dois mandados para a prisão do mesmo, que estava como foragido na ficha do Ciosp”, contou o sargento.

Como menor de idade, Daniel já era conhecido pela Polícia Civil por inúmeras passagens pelo Centro de Socioeducativo de Internação Masculina (Ceseim) por roubo e tráfico de drogas.

Na última semana, de acordo com o site http://joaoboleroneto.blogspot.com.br/ pelo menos sete assaltos grandes foram registrados em todo o estado, que dá uma média de um por dia. O último registro aconteceu no início da manhã desta segunda-feira, 17, em um restaurante localizado na Avenida Cora de Carvalho, no Bairro Central.

Dois indivíduos invadiram a residência dos proprietários que moram nos fundos do estabelecimento e fizeram pai, mãe e filho de reféns. As vítimas foram amarradas e trancadas dentro do quarto enquanto os assaltantes vasculhavam a casa em busca de objetos e valores.

 

Restaurante assaltado na manhã desta segunda-feira, 17

Restaurante assaltado na manhã desta segunda-feira, 17. Foto/Anderson Caladrini

Eles levaram dois celulares e cerca de R$ 2.200,00 reais em dinheiro do caixa do restaurante. A polícia só foi avisada por volta das 06h30, quando os donos do local conseguiram se desamarrar e ligar para o Ciodes. Ninguém foi preso e ainda não há suspeitos.

 

Compartilhamentos