Compartilhamentos

Moradores do bairro do Araxá decidiram fazer um protesto diferente, na manhã desta sexta-feira, 21. Eles juntaram todo o entulho retirado de um canal pela prefeitura de Macapá e usaram para bloquear a principal avenida do bairro, a Setentrional. Carros e ônibus não conseguem prosseguir e precisam dar meia volta.

Segundo Conselho Comunitário de Segurança, pelo menos 600 casas são atingidas por alagamentos sempre que chove forte

Segundo Conselho Comunitário de Segurança, pelo menos 600 casas são atingidas por alagamentos sempre que chove forte

O protesto começou há dois dias. Segundo os moradores, a prefeitura limpou o canal há cerca de três semanas, deixou todo o entulho no local, e não deu prosseguimento com os trabalhos. A limpeza foi necessária para garantir o escoamento da água da chuva, mas sem uma continuidade não é isso que vem ocorrendo. “Sei que esse tipo de atitude não é a solução, mas foi necessário em função dos alagamentos. Sempre que chove forte pelo menos 600 casas são atingidas”, disse o presidente do Conselho de Segurança do Araxá, Michelon Mendonça.

Setentrional é a principal ligação do Araxá com o bairro das Pedrinhas e a Rodovia JK

Setentrional é a principal ligação do Araxá com o bairro das Pedrinhas e a Rodovia JK

Outra reclamação dos moradores diz respeito à buraqueira que toma conta da Avenida Setentrional e de outras ruas do Araxá. “O motivo principal desse protesto é a drenagem, mas também por causa das péssimas condições das nossas ruas”, explicou a dona de casa Maria de Souza.

A Avenida Setentrional é a principal ligação entre o Araxá e bairros como as Pedrinhas e a Rodovia JK. A Secretaria de Manutenção Urbanística (Semur) não se pronunciou sobre o assunto.

 

Compartilhamentos