Compartilhamentos

Um assalto com refém mobilizou a polícia na noite da terça-feira, 22, em Macapá. Os policiais foram acionados por denúncia anônima sobre a atitude suspeita de dois homens na farmácia Big Ben da Avenida 13 de Setembro com Hildemar Maia, no Buritizal. Quando os policiais chegaram o assalto estava em pleno andamento.

O assalto foi informado por volta de 19h30. Policiais do Bope precisaram negociar com os bandidos que se entregaram. Anderson Queiroz de Jesus, que estava cumprindo prisão domiciliar por roubo, e Wellington Farias Batista, conhecido como “Bolo”, que já cumpriu pena por roubo e homicídio, entraram na farmácia e fizeram os funcionários reféns após a chegava da polícia.

Wellington Farias, usava uma roupa de mototaxista clandestino

Wellington Farias, usava uma roupa de mototaxista clandestino: Fotos: Olho de Boto

Depois de presos, os dois foram encaminhados para o Ciosp do Congós, de onde devem seguir nesta quarta-feira, 23, para o Instituto Penitenciário (Iapen). Com a dupla foram apreendidas uma arma de fogo PT 100 com nove munições intactas e uma moto com registro de roubo no sistema de Detran.

Este foi o oitavo assalto a estabelecimento comercial em apenas dois dias em Macapá. Em Santana foram duas ocorrências e todas envolvendo armas de fogo. A Polícia Militar divulgou que nesses dois dias foram apreendidas cinco armas de fogo.

Anderson Queiroz estava cumprindo prisão domiciliar

Anderson Queiroz estava cumprindo prisão domiciliar

Aparelhos recuperados

Aparelhos recuperados

Três desses assaltos só no plantão que iniciou às 7 horas de terça-feira até as primeiras horas da quarta. Ao meio dia uma loja de assistência técnica de celulares localizada no bairro Araxá foi assaltada. Dois indivíduos com arma de fogo entraram renderam o proprietário e levaram 3 celulares.

O terceiro assalto do plantão aconteceu às 09h30 da manhã em um açougue localizado no Igarapé da Fortaleza. Dois indivíduos com arma de fogo entraram e renderam o proprietário quando fazia a contagem da renda do dia. Rui Cambraia de Castro, de 54 anos, foi rendido e preso dentro do banheiro do estabelecimento. Os criminosos roubaram R$ 15 mil. A polícia só foi informada sobre o assalto no início da tarde.

 

Compartilhamentos