Compartilhamentos

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi parcialmente destruída no Distrito do Coração, Zona Norte de Macapá, na noite desta quinta-feira, 19. Segundo os dados do Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes), o veículo foi atender a um caso de agressão por arma branca e acabou sendo atacado pelos moradores.

Ambulância é equipada com aparelhos de UTI

Ambulância é equipada com aparelhos de UTI

Tudo começou com uma briga de casal. Segundo as testemunhas, José Genilson Amaral Soares, de 27 anos, foi esfaqueado pela ex-mulher. Uma ambulância do Samu foi enviada para atender a ocorrência, mas ao chegar ao local havia uma briga generalizada e sobrou até para equipe do Samu.

Janelas quebradas

Janelas quebradas

Pelo menos dois profissionais foram agredidos. A ambulância, que possui equipamentos de UTI, foi atacada por outros moradores com pedras e tijolos. A Polícia Militar foi chamada e conseguiu prender várias pessoas. Todas tinham ferimentos, foram atendidas no Hospital de Emergência, e depois encaminhadas ao Ciosp do Pacoval.

A Polícia Civil abriu inquérito para identificar os autores do vandalismo na ambulância. A vítima, mesmo ferida, também ajudou a quebrar o carro. Ele também será responsabilizado. O veículo foi recolhido pelo Samu e ainda não foi calculado o tamanho do prejuízo. Ainda não há previsão de quando o veículo voltará a operar. 

Compartilhamentos