Compartilhamentos

A Defesa Civil do Amapá informou na manhã dessa quinta-feira, 17, que cerca de 40 casas foram atingidas pelos ventos em três bairros da Zona Sul de Macapá, na quarta-feira, 16. O tornado, como foi classificado pelos meteorologistas, também deixou cerca 350 casas sem energia elétrica.

Segundo o Núcleo de Hidrometeorologia do IEPA, as ventanias são comuns no Amapá, porém nem sempre atingem as áreas urbanas. Não é possível descartar novas ventanias até a metade de agosto. “Esse tornado, que é caracterizado pela velocidade e pela massa de vento em forma de funil, sempre estão previstos no Amapá, porém na maioria das vezes caem fora das áreas urbanas. Quando isso acontece, os ventos à cidade não formam os funis provocando apenas rajadas que chamamos de F-0”, explicou o meteorologista Jefferson Vilhenha.

20140717_122431

No caso dessa quarta-feira a velocidade dos ventos foi caracterizada como F-1 por conta da formação do funil. Ventos comuns no Amapá, que podem ser visto como tornados ou trombas d’água. Duas rajadas atingiram este ano a Zona Norte de Macapá, também causando prejuízos materiais. “E essas não foram as últimas, pelos nossos sistemas conseguimos detectar que outras rajadas estão previstas. Mas, não podemos prever onde elas vão cair”, acrescentou Jefferson.

2014-07-17 12.35.07

Tenente Coronel Frederico Medeiros

Por conta das previsões do Núcleo de Meteorologia, a Defesa Civil alerta como as pessoas devem proceder nesses momentos. “Em caso de tornados, indicamos que as pessoas não saiam de suas residências, e que procurem cômodos pequenos de suas casas para se proteger, como o banheiro. Pois esses locais têm sempre menos probabilidades de desabar”, explicou o representante da Defesa Civil, Tenente Coronel Frederico Medeiros.

Compartilhamentos