Compartilhamentos

A nomeação da chapa que ficou em segundo lugar no pleito realizado no dia 3 de maio para dirigir a Reitoria da Universidade Estadual do Amapá (Ueap), levou os alunos a protestarem contra a decisão do Governo do Estado. A sentença do governador Camilo Capiberibe foi anunciada na noite de terça-feira, 1, no Palácio do Setentrião.

Para os estudantes tudo não passou de uma escolha política do governador. “Se ele iria escolher o segundo colocado, então por que ratificou a realização do pleito, já que a preferência da maioria dos docentes e discentes não foi aceita? Nesse caso, as decisões não deveriam ser partidárias, e sim pedagógicas”, reclamou o estudante de Ciências Agrárias, Reilan Pereira.

Estudantes reunidos no Campus II

Estudantes reunidos no Campus II

Segundo a assessoria do Governo, a decisão pela chapa segunda colocada aconteceu por conta da inelegibilidade do candidato a vice-reitor na chapa que recebeu mais votos, Daímio Chaves Brito. Ele esteve envolvido em fraudes na emissão de habilitações no Detran, em 2002. Na ocasião Daímio era diretor do órgão.Com a decisão, quem assumiu a Reitoria foram os professores Perseu da Silva Aparício e Breno Marques da Silva.

Fábio Xavier - Presidente do Sindicato dos Professores da Ueap

Fábio Xavier – Presidente do Sindicato dos Professores da Ueap

O Sindicato dos Professores da Ueap defende que o motivo apresentado para a nomeação da chapa segunda colocada não é legítimo. “Ele poderia escolher o primeiro colocado, pedindo apenas o afastamento do vice, deixando a cargo do Conselho Universitário a permanência ou não de Daímio no cargo. Mas com essa escolha o princípio da autonomia universitária foi quebrado mais uma vez” argumentou o presidente do Sindicato, Fábio Xavier.

CURRICULO

Perseu da Silva Aparício tem 32 anos, é graduado em Engenharia Florestal (2006), mestre em Ciências Florestais (2008), doutor em Biodiversidade Tropical, atualmente é professor concursado da Universidade do Estado do Amapá e ocupava a cadeira de pró-reitor de Extensão.

Breno Marques da Silva e Silva é bacharel em Ciências Biológicas (2005) com complementação pedagógica em Biologia/Química/Física (2009), aperfeiçoado em Botânica (2007), é mestre em Agronomia (2007) e doutor em Agronomia (2010).

Compartilhamentos