Compartilhamentos

O delegado Renato Gerep, do Ciosp Novo Horizonte, que investiga o caso do duplo homicídio ocorrido na última segunda-feira, 25, quando foram assassinados Estefani da Rocha Gomes, de 24 anos, e Elias da Silva Dias Siqueira, recebeu na manhã desta quarta-feira, 27, a ligação de um advogado, afirmando que o principal suspeito do caso, Ramon Cleiton Ribeiro (Foto Capa), iria se entregar à polícia hoje.

Porém, até o final desta tarde não houve nenhuma apresentação no Ciosp relativa ao caso. Segundo relatos de pessoas que conheciam as vítimas, Elias era amigo de infância de Estefani, e estava dando uma carona à moça quando foram surpreendidos por Ramon, ex-marido dela.

As investigações apontam para crime premeditado por conta da violência das agressões. Estefani levou mais de 10 facadas enquanto tentava fugir de seu agressor e faleceu no Hospital de Emergência. Já Elias, que tinha uma filha de dois anos, morreu na manhã seguinte devido as facadas que levou no pescoço. Até o momento Ramon é considerado fugitivo da Justiça.

Compartilhamentos