Compartilhamentos

As eleições para a escolha da nova diretoria do Sindicato dos Servidores em Educação do Estado do Amapá (Sinsepeap) foi mais uma vez suspensa. Dessa vez a determinação foi assinada pela juíza Keila Christine Banha Bastos Utzig, titular da 5ª Vara Cível e de Fazenda Pública de Macapá. A decisão impediu a realização do pleito até a finalização do processo que anulou a eleição ocorrida em junho.

A nova eleição estava prevista para ocorrer no dia 23 de agosto, após a anulação do primeiro pleito por conta de denúncias de urnas que chegaram com lacres rompidos para a contagem dos votos. A  chapa que obteve a maioria dos votos também estava inelegível.

Aroldo Rabelo - Atual Presidente

O pedido de anulação do segundo pleito foi feito pela Chapa 21, que teve a maioria dos votos na primeira votação, mas não assumiu por conta da inelegibilidade de alguns membros de sua diretoria. A chapa pede a posse baseada na primeira votação. “Como o processo que averigua a primeira suspensão ainda não foi finalizado, a juíza pediu a suspensão do segundo pleito até o veredicto final em relação à primeira eleição”, contou o presidente do Sinsepeap, Aroldo Rabelo.

Chapas que pedem a validação da votação de junho

Chapas que pedem a validação da votação de junho

A Chapa 77, segunda colocada na eleição de junho, também entrou com um pedido de revalidação do primeiro pleito. Com a manutenção da primeira votação e a inelegibilidade da chapa 21 que teve maioria dos votos, seria a 77 que assumiria a presidência do maior sindicato do Amapá. “Hoje são duas chapas pedindo posse e outras três pedindo a realização de uma nova eleição, por isso o pedido da magistrada foi feito, para que possa avaliar todos os autos do processo, para que possa proferir a sua decisão”, acrescentou Aroldo.

A juíza não estipulou uma data para bater o martelo sobre o caso. Enquanto a decisão não é tomada, Aroldo Rabelo, que foi presidente do Sinsepeap por três anos, continua interinamente no cargo até que uma nova diretoria seja empossada.

 

Leia mais:

http://selesnafes.com/2014/06/nova-eleicao-no-sinsepeap-deve-ocorrer-em-60-dias/

http://selesnafes.com/2014/06/justica-recolhe-atas-da-eleicao-do-sinsepeap/

Compartilhamentos