Compartilhamentos

E segue a onda de crimes em Macapá. No fim da tarde da quinta-feira, 04, no Bairro do Muca, um taxista e o passageiro foram alvejados por tiros disparados por pelo menos 4 pessoas. O alvo, segundo a polícia, era o passageiro, um ex-detento que já cumpriu pena por homicídio.

O crime ocorreu em frente à Escola Estadual Cecília Pinto. O taxista Tadeu Silva, de 46 anos, reduziu a velocidade próximo da escola, onde dois homens em uma bicicleta começaram a atirar.

Neudo, segundo a polícia, era o verdadeiro alvo dos bandidos.

Neudo, segundo a polícia, era o verdadeiro alvo dos bandidos.

Testemunhas disseram que outros dois homens em uma moto apareceram também atiraram. O taxista ainda tentou sair do carro, mas levou pelo menos três tiros morrendo no local. O passageiro, Neudo Muniz dos Santos, o “Cotoco”, foi levado para o Hospital de Emergência com um tiro na mão direita e tiros nas pernas. Até agora ninguém foi preso. 

Compartilhamentos