Compartilhamentos

Morreu no fim da manhã desta segunda-feira, 29, Vitória Cunha da Silva, de apenas 2 anos. Ela foi vítima da violência de assaltantes que invadiram a chácara da família da menina na sexta-feira, 26, na “linha F” do Ramal do KM-09, área rural de Macapá.

Três bandidos armados com facas e um revólver entraram na casa, renderam os moradores e exigiram dinheiro que a família teria guardado. Como não conseguiram nada, começaram a ameaçar Vitória apontando a arma para a cabeça dela. A criança morreu, segundo os médicos, de insuficiência cardíaca causada pelo estresse que ela viveu na mão dos assaltantes.

A família contou que vitória foi levada ao Pronto Atendimento Infantil (PAI) no sábado, 27, à noite depois de desmaiar. Ela ainda chegou inconsciente ao PAI. No domingo, ela foi transferida para uma UTI no Hospital da Criança, mas o coração dela não resistiu.

O velório da criança está acontecendo na mesma casa onde ela passou momentos de terror. O enterro acontece nesta terça-feira. Até agora ninguém foi preso. Vale ressaltar que nenhuma viatura da Polícia Militar atendeu a ocorrência na sexta-feira.

Compartilhamentos