Compartilhamentos

Amigos do tenente da Polícia Militar Arlindo Castro Lima, de 47 anos, se mobilizaram para realizar um bingo beneficente. O objetivo é arrecadar dinheiro para o transplante de córnea que o tenente fazer para recuperar a totalidade da visão. O policial teve o olho ferido por um copo no dia 22 de março, durante uma ocorrência policial.

Na ocasião, o tenente levou 50 pontos e ficou com apenas 20% da visão. O oficial precisa chegar ao Hospital Banco de Olhos Sorocaba até o dia 03 de outubro para passar pelo pré-operatório. A cirurgia está marcada para o dia 08.

golpe no olho

Tenente Arlindo dias após ser atingido pelo copo no olho

A família de Arlindo tem corrido contra o tempo para conseguir pagar o tratamento em uma clínica particular de referência, localizada em Sorocaba (SP). “Nós caímos na mão de agiotas, tivemos que penhorar as joias da família, além de ter vendido um imóvel para tentar custear o meu tratamento e manter a alimentação dos meus quatro filhos e dois enteados”, contou o tenente.

Segundo Arlindo, não houve ajuda do governo do Estado no tratamento. Por conta disso, o militar entrou na Justiça reivindicando o seu direito ao custeio da cirurgia, já que foi ferido quando estava em serviço. “A única ajuda que tivemos com verba do Estado, são as passagens que estão sendo custeadas pela Polícia Militar. Mas a estadia em São Paulo é cara, e por isso entrei na Justiça contra o Governo que não prestou o atendimento necessário à minha situação”, acrescentou o militar.

Arlindo e a esposa

Tenente Arlindo e a Esposa Keila Lima em sua nova residência

A ação na Justiça garantiu cerca de R$ 11 mil do Estado para que as cirurgias de catarata e transplante de córnea no hospital em Sorocaba sejam pagas. Agora, Arlindo está atrás de ajuda financeira para se manter em São Paulo até que seja liberado pelo médico e possa retornar ao Amapá.

bingo

Prêmios do Bingo e telefone de contato para os interessados em participar

Na primeira vez que Arlindo esteve no hospital em Sorocaba, em junho desse ano, foram realizados exames para saber quais as lesões que tinha sofrido com o golpe no olho. Com as lesões diagnosticadas Arlindo teve que retornar ao Amapá, pois o golpe ainda estava inchado e os médicos pediram um tempo para que o quadro clínico melhorasse. A segunda visita aconteceu no dia 06 de julho, quando o tenente foi colocado em uma fila de espera como o 495º para fazer a cirurgia.

Hoje estão apenas 32 pessoas na frente do oficial, que precisa, mais do que nunca, da ajuda arrecadada no bingo beneficente. O evento acontece no próximo domingo, 28, a partir das 10 horas no Malocão do Trem, localizado na Rodovia JK, próximo à Embrapa. Além dos prêmios será dada uma feijoada gratuita aos participantes e piscina liberada.

 

Compartilhamentos