Compartilhamentos

Depois de definida a eleição no segundo turno, Camilo Capiberibe (PSB), que tentava a reeleição, disse à impressa que a partir de janeiro passa ser um militante atuante e que vai cobrar todas as promessas feitas por Waldez Góes durante a campanha. Camilo enfatizou que não se arrepende de nada do que fez no seu governo. Colocou em prática um projeto tendo a certeza de que é o certo, mas que não foi suficiente para garantir a reeleição.

Em relação ao número de votos, Camilo afirmou que não perdeu por conta da rejeição que as pesquisas do Ibope mostravam durante o pleito. “Tive quase 40% dos votos, o que mostra que meu plano de governo não foi rejeitado como as pesquisas mostravam. Tanto é que fomos para o 2º turno, mesmo com as pesquisas dizendo o contrário. Agora é esperar que meu sucessor cumpra o que prometeu, para que a população não sofra”, disse o governador.

Camilo agradeceu os votos e falou que espera que todo o trajeto que seu governo seguiu nas áreas da segurança pública, educação e saúde, seja somado com o novo governo e que isso leve o Amapá à prosperidade.

 

Compartilhamentos