Compartilhamentos

O Batalhão de Operações Especiais (BOPE) do Amapá já é uma referência no treinamento de forças especiais no Norte e Nordeste do Brasil, por conta das peculiaridades do Estado. Aqui os policias são treinados em mata fechada e nas áreas de ponte de Macapá.

Exposição do BOPE atrai curiosos

Exposição do BOPE atrai curiosos

Segundo o comandante do Bope, tenente coronel Wellington Nunes, isso é motivo de orgulho para a corporação que completou 25 anos. “Nossos treinamentos chamam atenção de batalhões de outros estados, que mandam seus oficiais para treinarem no Amapá pelo nível de excelência alcançado nas ações, principalmente nas nossas áreas de ressaca composta por labirintos de pontes”, afirmou Nunes.

Tenente coronel Wellington Nunes, comandante do BOPE

Tenente coronel Wellington Nunes, comandante do BOPE

Os cursos do Bope no Amapá recebem constantemente policiais do Amazonas, Pará e de alguns estados do Nordeste. De acordo com o comandante, isso mostra o reconhecimento que o Batalhão alcançou nos últimos anos.

EXPOSIÇÃO

O Bope está realizando uma exposição no Shopping Amapá Garden para mostrar à sociedade todo o trabalho desenvolvido pelo Batalhão. No stand podem ser observadas as armas usadas, equipamentos de segurança e vídeos que mostram as ações e treinamentos dos policiais nas áreas de mata e ponte do Estado.

Oficiais do BOPE dividem suas experiências com visitantes

Oficiais do BOPE dividem suas experiências com visitantes

A exposição fica aberta até a sexta-feira, 31, sempre a partir das 17 horas. Os oficiais estão a disposição para compartilhar um pouco das suas experiências nas ruas.

 

Compartilhamentos