Compartilhamentos

Através de um nota divulgada nesta sexta-feira, 10, a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) se posicionou a respeito da falta e das quedas constantes de energia que ocorreram na quinta-feira, 09. Segundo a companhia, as ocorrências foram em virtude da chuva e da forte ventania que danificaram a rede de distribuição em pontos isolados de Macapá. De acordo com a CEA, os problemas de quedas de energia só serão definitivamente sanados quando o Amapá fizer parte do Sistema Interligado Nacional (SIN).

Pelo menos seis bairros passaram a tarde e parte da noite de quinta-feira sem energia elétrica. A Central de Atendimento da CEA registrou mais de 100 ocorrências. Bairros como Santa Rita, Marabaixo I e Buritizal só tiveram o fornecimento de energia normalizado próximo das 21 horas. “A CEA esteve trabalhando durante toda a tarde e a noite para normalizar os serviços. A chuva e a ventania romperam cabos, causaram quedas de árvores e cruzetas (suportes que sustentam a fiação) e transformadores foram danificados”, explicou Mauro Silva, assessor de comunicação da estatal.

A CEA informou que está com equipes de plantão para atender as emergências e restabelecer o serviço em caso de alguma pene. A companhia também está cumprindo uma programação de podagem de árvores para evitar novos rompimentos.

A assessoria da empresa enfatizou que o governo do Estado está concluindo as obras que vão por fim aos problemas como os que ocorreram nesta quinta. “As obras que vão ligar o Amapá ao Sistema Interligado Nacional (SIN) estão em pleno andamento. Depois da interligação,  a energia terá um fluxo continuo e firme evitando esses transtornos”, concluiu.

 

Compartilhamentos