Compartilhamentos

A rádio Diário FM e o jornal Diário do Amapá promovem debate entre os candidatos ao governo do Estado nesta quarta-feira, 22, às 17 horas. O encontro será mediado pelo jornalista Luiz Melo. Camilo Capiberibe (PSB) já confirmou presença. Apesar de não ter comparecido ao debate do primeiro turno, a assessoria de Waldez Góes (PDT) também confirmou a participação do candidato.

A emissora vem trabalhando muito bem em debates com candidatos a cargos majoritários. A primeira experiência aconteceu em 2010, com os candidatos a Prefeitura de Macapá, Roberto Góes (PDT), Clécio Luís (PSOL), Cristina Almeida (PSB), Davi Alcolumbre (DEM), Genival Cruz (PSTU) e Evandro Milhomen (PC do B).

Para Luiz Melo, que tem uma vida inteira dedicada ao jornalismo, o debate no rádio cria um novo hábito no público amapaense. “A empresa está criando uma coisa que não existia. Então, procuramos entrar nesse novo processo como agente influenciador. É o futuro de todos os amapaenses que está em jogo, por isso queremos participar dessa escolha”, explicou o jornalista.

Diferente de outros debates, o da rádio Diário FM não possui comissão para julgar direito de resposta, réplica ou tréplica. Outra diferença é que não existe uma apresentação prévia dos candidatos. O jornalista Luiz Melo acredita que dessa forma será mais proveitoso para os eleitores que estarão ouvindo. “Não tem muitas regras. Tem que respeitar a fala do outro e deixar a conversa fluir. Esse espaço é para o público decidir melhor em quem votar. Muito blá blá blá, não dá em nada. Se acharmos que alguém precisa de resposta porque o outro candidato o ofendeu, damos o direito dele falar”, declarou.

O ex-governador do Amapá Waldez Góes (PDT) foi o candidato mais votado no primeiro turno das eleições ao Governo do Estado Amapá com 160 mil votos (36%). O segundo é o atual governador do Estado, Camilo Capiberibe (PSB), com 105 mil votos (28%). 

 

Compartilhamentos