Compartilhamentos

Na manhã desta sexta-feira, 17, o curso de formação de cabos, realizado pela Polícia Militar, fez uma nova simulação de assassinato. O palco foi o centro do município de Santana, localizado a 17 quilômetros de Macapá. Desta vez, no entanto, o treinamento foi informado à imprensa e à população, evitando um novo susto como aconteceu há 2 dias.

Na quarta-feira, 14, o mesmo treinamento não foi informado e Macapá parou alarmada pela notícia de um duplo assassinato no centro de Macapá, nas proximidades da Praça das Bandeira. As mortes foram confirmadas pelo Centro Integrado de Operações em Defesa Social (Ciodes) como ocorrência legítimas. Repórteres acabaram informando equivocadamente em flashes ao vivo em programas de rádio. Só depois, quando a cidade inteira comentava a “tragédia”, é que veio a confirmação de que se tratava de um treinamento.

O curso conta 45 aspirantes a cabo. Eles estão aprendendo a preservar o local do crime e as provas periciais que são fundamentais para as investigações.

Texto: Anderson Calandrini

Compartilhamentos