Compartilhamentos

Cerca de 200 policiais civis e militares estão desde as 6 horas da manhã desta terça-feira, 20, cumprindo mais de 40 mandados de prisão em vários pontos da capital, a maioria deles dentro do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen). Todos são acusados de assaltos.

Mulher recebe voz de prisão no Infraero I

Mulher recebe voz de prisão no Infraero I

 

A primeira prisão ocorreu no conjunto da Ego, no Bairro Jardim Marco Zero. Outras foram efetuadas nos bairros Santa Rita e Infraero I, onde um casal recebeu voz de prisão. Até às 7 horas da manhã três pessoas já tinham sido presas.

Dos 45 mandados, 38 são para criminosos que já cumprem penas no Iapen. Eles são acusados de comandar ações de dentro das celas. “A operação é da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio e todos os crimes são roubos”, explicou o delegado Daniel Marcílio, que tinha acabado de voltar do Infraero I. O delegado Celso Pacheco é quem está no comando da operação.

Ainda pela manhã, um ônibus transportando presos na operação deve chegar ao Ciosp do Pacoval.  Até agora a Secretaria de Segurança Pública (Sejusp) não informou se a operação tem algum nome. 

Compartilhamentos