Compartilhamentos

A Polícia Civil investiga a morte de uma jovem de 25 anos encontrada enforcada no mosqueteiro da própria cama, no Loteamento Amazonas, Zona Norte da capital. A tese mais forte é de suicídio, mas a mãe a teria encontrado sentada na cama com o tecido em volta do pescoço.

Segundo a polícia e parentes, Cristiane Leal da Luz, mãe de 3 filhos, vivia com o marido que não é pai das crianças. Ela seria alcoólatra, e teria brigado mais uma vez com o esposo depois que os dois voltaram de uma festa na madrugada de domingo, 18. “Como ela costumava acordar muito cedo, os pais deram falta dela. O pai destelhou e entrou na casa pelo teto; em seguida abriu a porta para a mãe que já encontrou a filha morta sentada, mas com o pescoço preso pelo mosqueteiro”, disse um PM que atendeu a ocorrência.

De acordo com a polícia, o marido teria passado a noite na casa da mãe dele depois da briga, e por enquanto não seria tratado como suspeito. As três crianças estão morando agora com os avós maternos. A Delegacia de Crimes Contra a Mulher ouvirá o depoimento de parentes e amigos. 

Compartilhamentos