Compartilhamentos

A segundo maior apreensão do ano de crack contou com ajuda fundamental da cadela “Flexa”, do Canil da Polícia Militar. A operação conjunta de policiais do 4º BPM e da Polícia Federal apreendeu pouco mais de 59 quilos de droga, segundo pesagem oficial feita pela PF no início da noite da segunda-feira, 24.

O tenente M.Fernandes, do 4º BPM, e o delegado da PF, Bruno Brenassuly, explicaram como foram as investigações que levaram à apreensão e à prisão da pessoa que tomava conta das drogas, segundo ele, a pedido de um colombiano que lhe pagaria R$ 5 mil pelo serviço.  

 

Entrevista do tenente M.Fernandes

Entrevista do delegado Bruno Brenassuly

Compartilhamentos