Compartilhamentos

Com o carnaval batendo na porta, os preparativos para o Bloco da Camisinha, organizado pela Prefeitura de Macapá, se intensificam. O bloco, que já é presença tradicional nos últimos dez anos de carnaval, pretende levar nesse ano mais de dois mil brincantes para o corredor da folia, a Avenida Ivaldo Veras, abrindo o primeiro dia do desfile das escolas de samba, no sábado, 14 de fevereiro.

No ano passado, o bloco desfilou com mais de mil brincantes, que se divertiram e transmitiram a mensagem de prevenção à Aids e da importância do uso da camisinha. Além disso, realizou a tradicional distribuição de preservativos masculinos e femininos.

Segundo Jean Trindade, organizador do Bloco da Camisinha, para este ano, 500 mil preservativos serão distribuídos nos principais eventos do carnaval. “Serão 4 dias de programação, em que a coordenação de DST/Aids estará envolvida e preparada especialmente para receber os foliões com muita animação e segurança”, enfatizou Jean.

Além de participar do primeiro dia de desfile no Sambódromo, a coordenação de DST/Aids distribuirá preservativos no tradicional bloco de sujos, A Banda, e no futebol à fantasia realizado pela Associação de Casados e Solteiros, na Praça Nossa Senhora da Conceição.  

 

Compartilhamentos