Compartilhamentos

A empresa de taxi aéreo “Piquiatuba” já recebeu autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para implantar um voo comercial entre Macapá e Oiapoque. O anunciou foi feito esta semana durante uma reunião entre representantes da empresa e do governo do Estado. A empresa é paraense e já opera há sete anos na Amazônia no transporte de cargas e passageiros.

A data do voo inaugural ainda não foi definida, mas será ainda no mês de abril.  A tarifa mínima será de R$ 375. A duração do voo é de 1h28min. A empresa vai disponibilizar inicialmente a aeronave Cessna Grande Caravan, que comporta até 9 passageiros. Com licença para voar em linhas sistemáticas, o usuário fica isento da taxa de embarque. A frequência de voos durante a semana ainda está sendo estudada.

O diretor comercial da Piquiatuba, Fábio Pazzetto, ressaltou a importância da diminuição do tempo que se leva para chegar até Oiapoque. “O acesso ao Oiapoque hoje é muito complicado e demorado. Nossa empresa reduzirá o tempo de viagem, beneficiando de várias formas a população amapaense e os executivos que fazem esse tráfego regularmente”, disse Pazzetto.

Compartilhamentos