Compartilhamentos

Uma perseguição a assaltantes terminou em troca de tiros no início da tarde desta quinta-feira, 9, no estacionamento do Atacadão Maracá, no Bairro do Pacoval. Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) conseguiram prender toda a quadrilha que havia acabado de assaltar a residência de empresários no Bairro do Laguinho. Uma funcionária da família é suspeita de ajudar os criminosos.

Objetos recuperados com os assaltantes. Fotos: Anderson Calandrini

Objetos recuperados com os assaltantes. Fotos: Anderson Calandrini

O assalto ocorreu por volta das 13 horas, na residência dos proprietários da Pizzaria Estrela de Davi. Os criminosos entraram sem dificuldades no local, renderam funcionários e a família com bastante violência, segundo informações do Bope. Todos foram amarrados com cintos. Dentro da casa havia uma jovem, filha dos empresários, e três funcionários.

Empregada é acusada de repassar informações para os assaltantes

Empregada é acusada de repassar informações para os assaltantes

Os três bandidos estavam armados e fugiram levando notebooks, dinheiro, joias e até o HD que grava as imagens do circuito de câmeras da casa. Um vizinho viu quando eles saíram, desconfiou e chamou a polícia.

Uma viatura do Bope chegou quando veículo dos assaltantes saiu em disparada. “Os assaltantes perceberam a nossa aproximação e entraram no estacionamento do Atacadão Maracá”, explicou o capitão Rogério Soares. Ainda não está claro se os criminosos pretendiam se misturar entre os clientes ou se queria fazer reféns.

Punhal com soco inglês: fabricado para agredir

Punhal com soco inglês: fabricado para agredir

Quando o carro estacionou foi fechado pela viatura do Bope. “Eles já desceram com as armas em punho e reagiu atirando na guarnição”, disse o oficial. Francisco de Angelo Costa Del Castilho, 27 anos, foi alvejado no braço esquerdo. Carlos Erickson de Oliveira Barroso, 33 anos, e Sandro Moraes de Carvalho, se renderam.

Carro usados pelos assaltantes

Carro usados pelos assaltantes

O assaltante ferido foi encaminhado mais tarde ao Hospital de Emergência, onde recebeu cuidados e depois foi entregue no Ciosp do Pacoval, onde já estavam presos os dois comparsas.

Informante

Capitão do Bope, Rogério Soares: ação rápida

Capitão do Bope, Rogério Soares: ação rápida

Uma quarta pessoa foi presa. Riane Amoras dos Santos era funcionária da família e tinha começado a trabalhar recentemente na casa dos empresários. Ela é acusada de repassar informações para os assaltantes sobre o melhor momento de entrar na residência. “Encontramos no celular dela e de um dos bandidos troca de mensagens e telefonemas”, comentou outro oficial.

Com os bandidos a polícia encontrou um punhal com “soco inglês” embutido, duas pistolas (380 e 9 mm) e um revólver calibre 38.

Todos permanecerão presos no Ciosp e até a transferência para a penitenciária. Todo o dinheiro foi recuperado, e a maioria dos objetos também.

Compartilhamentos