Compartilhamentos

Foi definido em uma reunião nesta segunda-feira, 18, que as festividades juninas vão acontecer de 12 a 30 de junho e vai custar aos cofres do Estado R$ 800 mil. De acordo com o secretário de Estado da Cultura, Disney Silva, deste valor, R$ 504 mil serão destinados aos grupos que fazem parte da Federação das Entidades Folclóricas do Amapá (Fefap), R$ 100 mil para a estrutura e R$ 200 mil para a realização da festa nos demais municípios.

“Apesar das dificuldades financeiras que o Estado enfrenta, o governo do Estado se comprometeu em não fazer cortes no valor repassado para os grupos”, afirmou Disney.

Segundo a presidente da Fefap, Daiana Ronieli Santos, o investimento vai contemplar os grupos de Macapá, Santana, Vale do Jari e Mazagão. O valor do repasse será igual para todos os grupos. Segundo Daiana, as competições municipais e estaduais de quadrilhas terão a mesma dimensão em estrutura.

“Teremos as eliminatórias municipais, estaduais e as finais que serão realizadas dentro do Sambódromo, todas com o mesmo nível de estrutura”, explicou.

Além do apoio financeiro, o Estado vai garantir toda a estrutura e logística com o apoio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Secretária de Estado da Saúde, no auxílio e atendimento durante os dias de folguedos.

Uma nova data será marcada para a assinatura do convênio para o repasse financeiro. “A Procuradoria Geral do Estado está trabalhando na elaboração desse convênio para garantir toda a lisura do processo”, disse o chefe do Gabinete Civil do Governo do Estado, Carlos Marques.

 

Compartilhamentos