Compartilhamentos

Um bandido conhecido pela violência com que abordava as vítimas em assaltos foi morto por policiais do Batalhão de Rádio Patrulhamento Motorizado (BRPM) durante a madrugada desta terça-feira, 26, na Zona Norte de Macapá. Segundo o batalhão, os policiais revidaram quando foram recebidos a tiros pelo criminoso.

Romarinho colecionava uma lista extensa de crimes desde a adolescência

Romarinho colecionava uma lista extensa de crimes desde a adolescência

Eric Ramon da Silva, de 19 anos, o “Romarinho”, tinha condenação por roubo com violência física, o chamado “roubo majorado”, mas na verdade a ficha policial dele era bem maior graças a crimes cometidos desde a adolescência.

Policiais receberam denúncia anônima de que Romarinho estava vendendo drogas em uma casa na Travessa Padre Jorge Basile, no Bairro Infraero I, onde também estava ostentando armas. Quando a polícia chegou ele atirou contra os policiais que revidaram. “A equipe não sabia de quem se tratava, e quando os policiais chegaram o criminoso atirou. Felizmente nenhum policial nosso foi ferido”, explicou o capitão Daniel dos Santos, subcomandante do BRPM.

Romarinho ainda foi levado com vida para o Hospital de Emergência onde morreu. O BRPM encontrou com ele uma pistola Taurus ponto 40 com numeração raspada com duas munições (uma intacta e outra com a espoleta batida), e mais 47 munições calibre 22, além de duas balanças de precisão e uma algema com chave.

No ano passado, Romarinho também teria trocado tiros com outra guarnição do BRPM, teria tentado matar um policial no Curiaú e era suspeito do assassinato de um mototaxista. 

Compartilhamentos