Compartilhamentos

Uma nova decisão, desta vez do Tribunal de Justiça, suspendeu o aumento da tarifa de ônibus em Macapá de R$ 2,10 para R$ 2,30. A suspensão foi solicitada pela Companhia de Trânsito de Macapá (CTMac) que recorreu da primeira decisão que determinava a alteração do valor.

A ação principal é do Sindicato das Empresas de Transportes do Amapá (Setap) que até o início da tarde desta quinta-feira, 7, ainda não havia sido notificado da decisão, por isso o preço continuava em R$ 2,30. A CTMac publicou uma nota afirmando que metade da frota operante está em péssimas condições, por isso não concorda com o aumento. 

O Setap ainda não se pronunciou oficialmente a respeito assunto. Abaixo leia a nota oficial da CTMac.

Comunicado

A Prefeitura de Macapá informa à população que recorreu da decisão do aumento da tarifa do transporte público, que foi reajustada a partir desta quinta-feira para R$ 2,30, e que esta decisão acabou de ser derrubada na Justiça. A partir do momento em que o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amapá (Setap) for comunicado, o que deve ocorrer ainda nesta quinta-feira, o valor da tarifa deve voltar a ser cobrado a R$ 2,10. O recurso contra a decisão foi ingressado pela Prefeitura de Macapá, por meio da Companhia de Trânsito e Transporte (CTMac).

A gestão municipal entende que a população deve pagar um valor tarifário de acordo com a qualidade do serviço prestado, uma qualidade que não tem sido oferecida pelas empresas que operam no sistema. De acordo com as últimas fiscalizações da CTMac, quase metade da frota operante em Macapá não tem as mínimas condições de atender às necessidades da população.

Mesmo cobrando R$ 2,30, a tarifa ainda seria a menor do Brasil, porém a Prefeitura de Macapá não aceita um reajuste enquanto a população continuar sofrendo nas ruas com ônibus precários, que não oferecem o mínimo de conforto e segurança, que não cumprem quadro de horários, que tentam dificultar inclusive as fiscalizações da CTMac.

A população deve pagar um valor justo e adequado conforme o serviço oferecido. Para ter um reajuste, é necessário um transporte à altura do que o usuário merece e necessita.

Prefeitura de Macapá

Compartilhamentos