Compartilhamentos

Macapá foi castigada por uma grossa chuva que começou a cair por volta das 5 horas da manhã desta terça-feira, 19, e alagou as áreas mais baixas da capital. Motoristas foram obrigados a acender os faróis porque parecia noite. Apesar de muitas casas terem sido invadidas pelas águas, até às 7h30min a Defesa Civil tinha registrado apenas dois chamados de urgência, um na Zona Norte e outro na Área Portuária de Santana.

Moradores na Feliciano Coelho põe a água pra fora da casa. Foto: André Silva

Moradores na Feliciano Coelho põe a água pra fora da casa. Foto: André Silva

O céu ficou tão encoberto que às 7 horas da manhã todos os veículos usavam os faróis ligados. O canal do Beirol transbordou no bairro do Buritizal. Na Avenida Feliciano Coelho entre as ruas Professor Tostes e Manoel Eudóxio, o transbordamento pegou carros estacionados e alagou casas (foto).

O mesmo cenário se repetiu no cruzamento da Rua Odilardo Silva com a Avenida Cora de Carvalho, no Bairro Central.

“São pontos que pelo nosso mapeamento a gente já esperava que fossem alagar, mas por enquanto recebemos chamados de socorro apenas na Área Portuária de Santana e no Macapaba, ambos entupimento de bueiro”, descreveu o coordenador da Defesa Civil, tenente-coronel Janary Picanço. A chuva deu uma trégua por volta das 7h40min.

Avenida Cora de Carvalho

Avenida Cora de Carvalho

Compartilhamentos