Compartilhamentos

As polícias Civil e Militar acreditam estar próximas de prender todos os envolvidos no assalto ocorrido na última segunda-feira, 29, na porta de uma agência do Bradesco, na Avenida Binga Uchoa, no Centro Comercial de Macapá. Na manhã desta terça-feira, 30, uma equipe do 6º Batalhão da PM conseguiu encontrar a moto usada no crime depois de uma perseguição pelas ruas do Bairro Cidade Nova.

Por volta das 9 horas, os policiais militares desconfiaram de um motociclista que decidiu fugir quando percebeu a aproximação da viatura. A escapada terminou numa área de pontes do Bairro Cidade Nova, onde o suspeito abandonou a motocicleta e conseguiu fugir pelas passarelas de madeira.

Moto aparentava estar em situação regular. Fotos: Jair Zemberg

Moto aparentava estar em situação regular. Fotos: Jair Zemberg

A moto da cor preta parecia ser regular, mas no Ciosp do Pacoval, os policiais do 6º BPM, comandados pelo sargento Jorge Sá, descobriram que a cor original da moto é vermelha. Além disso, a placa é de outra moto da mesma marca.

O assalto ocorreu na tarde de segunda-feira quando um casal chegava ao banco para depositar R$ 45 mil, e foi surpreendido pelos assaltantes armados. Um deles tomou a bolsa com o dinheiro, só que na fuga deixou cair o celular.

A partir do rastreamento da última ligação, a Polícia Civil chegou até um suspeito que foi detido e levado para prestar depoimento. Uma parte do que seria o dinheiro do roubo foi recuperada.

O caso está sendo investigado pelo delegado Paulo Reyner, da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio. Ele não quis dar muitos detalhes, mas disse acreditar que pelo menos 3 pessoas estejam envolvidas no planejamento e execução do crime.

Compartilhamentos