Compartilhamentos

Jair Zemberg – Seis homens foram detidos neste fim de semana acusados de roubo de gado por moradores do Aporema, região dos lagos do município de Tartarugalzinho, a 232 quilômetros de Macapá.  Eles tinham várias armas, entre carabinas e rifles. Eles também foram acusados de caçar animais silvestres e aterrorizar moradores.

As prisões ocorreram durante a madrugada de domingo, 21, em uma localidade chamada Lago Novo. A operação foi realizada por policiais do Batalhão Ambiental e do destacamento da PM em Tartarugalzinho que armaram uma barreira em um ramal para surpreender os caçadores que trafegavam em três motos.

Carabinas calibres 12 e 20. Foto: Batalhão Ambiental

Carabinas calibres 12 e 20. Foto: Batalhão Ambiental

Durante a revista foram apreendidas carabinas calibre 12 e 20. Foram conduzidos para a delegacia de polícia de Tartarugalzinho Silvanério Cruz dos Santos, Silvano Pantoja dos Santos, Alfredo Quaresma dos Santos e Jean Petergibson da Silva.

Outros dois suspeitos foram considerados inocentes pelos policiais. O restante foi atuado por porte ilegal de arma de fogo, roubo e caça de animais silvestres.

Compartilhamentos