Compartilhamentos

Será concluída na próxima semana a primeira etapa dos testes de balneabilidade que estão sendo realizados pelo Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Estado do Amapá (Imap) nos balneários do Amapá. A expectativa é que em duas semanas as análises sejam concluídas e apontem quais os rios que estão próprios, ou não, para o banho.

O Imap montou uma equipe de monitoramento que vem fazendo o recolhimento de amostras há 4 semanas. O objetivo é verificar a variação de coliformes fecais nas águas dos balneários.

“Na próxima semana faremos as últimas coletas. Depois disso vamos emitir um laudo técnico sobre a situação das nossas áreas de banho. Caso seja comprovada a concentração de no mínimo 20% de coliformes fecais nas amostras, o local será considerado impróprio para o banho”, explicou o chefe de gabinete do Imap, Josiel Lima.

Os testes estão sendo feitos em 8 balneários de Macapá, Ferreira Gomes e Porto Grande, locais que recebem grande fluxo de pessoas durante o verão. Essas áreas serão monitoradas durante todo o verão, pois o grau de intensidade de coliformes pode mudar de uma semana para outra.

“Nosso objetivo é emitir os pareceres sobre os balneários até o dia 02 de julho, dois dias antes do início oficial das programações de verão nos municípios. Com o resultado em mãos, vamos espalhar placas nesses locais informando se a área está apropriada para banho”, acrescentou.

O Imap também informou que estará com ações educativas nos balneários no sentido de alertar os banhistas sobre a importância de zelar pela limpeza das áreas de banho espalhadas pelo Amapá.

 

Compartilhamentos