Compartilhamentos
Foto postada no dia 10 de junho: descontração na escola

Foto postada no dia 10 de junho: descontração na escola

Foi sepultado neste domingo, 28, em Macapá, o corpo da estudante Cleiciane Maciel Ferreira, de 14 anos. A menina foi encontrada morta na casa onde morava com a família, na Rua Moacy Braga Coutinho, no Bairro Perpétuo Socorro, Zona Leste de Macapá. Inicialmente, a suspeita é que tenha cometido suicídio.

De acordo com o Centro Integrado de Operações em Defesa Social (Ciodes), ela foi encontrada enforcada com uma corda em uma das janelas da residência por volta das 21 horas do último sábado, 27.

Amigos informaram que ela teria deixado um bilhete explicando o motivo do suicídio. A família não divulgou a carta, mas no boletim policial consta que a razão seria o “mau desempenho na escola (notas vermelhas)”.

Cleiciane era aluna da Escola Adventista do Sétimo Dia, e frequentava o Grupo de Desbravadores, uma entidade baseada em princípios parecidos com os do escotismo. Recentemente tinha se transferido para a Escola Carmelita do Carmo. Também frequentava os cultos no templo central da congregação, no Bairro do Trem.

A estudante demonstrava ter um comportamento normal para a idade. Gostava de publicar selfies com amigas em seu perfil no Facebook. Numa das últimas postagens, no dia 10 de junho, a menina parecia descontraída dentro da sala de aula.

Apesar do bilhete informando as razões do suposto suicídio, a Polícia Civil vai investigar a morte. O caso será conduzido a princípio pela Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Derca).  

Compartilhamentos