Compartilhamentos

Um acordo judicial firmado entre o deputado Pedro da Lua e a promotora de Justiça, Ivana Cei, beneficiou 100 famílias da Associação dos Carapirás de Macapá. O parlamentar foi processado em 2012 por ofensas à honra da promotora de Justiça. À época, ele apresentava o programa humorístico O Troco no Rádio.

Com o personagem “DaLua” ao lado de seu parceiro de bancada Rodrigo Portugal , ele reconhece que foi ácido nos comentários e exageradamente escrachado. O agora deputado, não dispensava uma boa polêmica chegando às vezes a passar dos limites. Em uma dessas vezes atacou severamente a ex-procuradora, que teve que recorrer à Justiça para ter sua biografia reparada.

As cestas básicas beneficiaram 100 famílias de carapirás de Macapá. Foto: Ascom/Aleap

As cestas básicas beneficiaram 100 famílias de carapirás de Macapá. Foto: Ascom/Aleap

A audiência de conciliação aconteceu no mês passado e apesar de visivelmente magoada com os ataques feitos à época em que o deputado era o radialista “DaLua”, a promotora aceitou o pedido de perdão dele.

A proposta de contemplar cem famílias da Associação dos Carapirás partiu de Ivana Cei, que tem um trabalho social com essas pessoas. No lugar da pena ou da multa, a ex-procuradora propôs ao deputado que comprasse 100 cestas no valor de cem reais e entregasse para associação. A proposta de acordo, intermediada pelo advogado Cícero Bordalo Neto, foi aceita pelo deputado, que fez questão de agradecer pela oportunidade de ser perdoado e se colocou à disposição da promotora para firmarem outras parcerias.

O deputado contou com apoio de colaboradores, amigos e familiares para honrar seu compromisso. As cestas foram entregues nesta sexta-feira, 31, para os verdadeiros vitoriosos desse desfecho judicial.

Compartilhamentos