Compartilhamentos

Jonhweine Silva – As artes marciais no Amapá não param de apresentar resultados significativos. Depois do taekwondo, com o atleta Venilton Teixeira que ficou em quarto lugar no Pan-Americano de Toronto, no Canadá, agora foi a vez do sargento da Policia Militar Nilo Silva, que ficou em primeiro lugar no campeonato mundial de jiu-jitsu, na categoria máster leve. A competição ocorreu no último fim de semana em São Paulo.

O amapaense ganhou das duas últimas lutas por estrangulamento.  Fotos: Divulgação

O amapaense ganhou das duas últimas lutas por estrangulamento. Fotos: Divulgação

Lotado no 4º Batalhão da PM, no município de Santana, o militar já havia conquistado em anos anteriores resultados expressivos. Já tinha sido campeão Norte-Nordeste, pan-americano e sul-americano.

Nilo Silva precisou de três lutas para garantir o lugar mais alto no pódio. Na primeira disputa venceu por 19 a 0. Na segunda, finalizou o adversário com um estrangulamento e na terceira e finalíssima, também aplicou um estrangulamento.

“Não foi nada fácil, os adversários eram de muita técnica e foi preciso manter a calma. Consegui impor meu ritmo e não dei chances de contra golpe. Esse resultado é a realização de um sonho. Tracei essa meta no inicio do ano e consegui. Agora só resta comemorar e tenho certeza que meus amigos e parentes aí no Amapá, estão felizes por mim”, afirmou Nilo.

Também participaram da competição atletas da Argentina, Chile e Peru. No pódio, Nilo fez questão de ostentar a bandeira do Amapá.

Compartilhamentos