Compartilhamentos

Depois de 42 dias internado, morreu na manhã deste sábado, 1º, o fiscal da Secretaria de Fazenda do Estado, Rui Costa Assunção, de 43 anos. Ele tentava se recuperar das sequelas dos tiros que recebeu durante um assalto na residência onde morava, na Vila Amazonas, no município de Santana.

Segundo amigos, o funcionário público estava internado no Hospital São Camilo desde a madrugada do dia 20 de junho e chegou a ter avanços no tratamento. Amigos chegaram a divulgar uma foto onde parecia estar bem. Sorridente, estava em pé no corredor do hospital ao lado de um amigo. Mas ontem, no entanto, houve uma complicação no quadro clínico e ele teria entrado em coma.

O fiscal foi surpreendido ao estacionar o carro dentro da garagem de casa. A família dele já estava dentro da residência subjugada pelos assaltantes. O bando pulou o muro por um terreno baldio ao lado do imóvel. Eles também cortaram a cerca elétrica.

Assim que percebeu do que se tratava, Rui voltou para o carro e trancou a porta. Um dos assaltantes chegou na janela e atirou duas vezes contra a vítima, saindo de perto dele logo em seguida.

O bandido pensava que Rui estava morto, mas o fiscal conseguiu dar ré no carro e buscar socorro. Nenhum dos cinco assaltantes foi preso até agora.

Compartilhamentos