Compartilhamentos

André Silva –

Esta semana a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh) iniciou uma fiscalização para tirar das ruas de Macapá trailers estacionados de forma irregular. Entre as apreensões haviam alguns que estavam chumbados no chão.

Cerca de cem trailers funcionam de forma regular na cidade, mas existe um número superior a este funcionando sem autorização. As principais irregularidades encontradas são: falta de alvará de funcionamento, higiene comprometida, ocupação desordenada do solo, obstrução do passeio público e os chamados “gatos” na fiação elétrica.

Alguns trailers estavam chumbado no chão. Fotos: Ascom/PMM

Alguns trailers estavam chumbado no chão. Fotos: Ascom/PMM

O diretor de Fiscalização da Semduh, Eudo Costa, disse que a principal causa dessa ocupação desordenada é a crise atual que o país passa e o desemprego gerado por ela.

“Nós entendemos que a situação não está fácil, mas as leis existem e devem ser cumpridas. Nós não agimos com truculência. Após a notificação o pequeno empresário tem de 48 a 72 horas para retirar o seu veículo”.

Diretor de Fiscalização, Eudo Costa, adianta que o trabalho vai chegar em Fazendinha

Diretor de Fiscalização, Eudo Costa, adianta que o trabalho vai chegar em Fazendinha

O diretor explicou que um mapeamento foi feito em toda a cidade e foram detectados 52 trailers abandonados. “As pessoas não têm noção de que é o trailer é equipado com rodas para facilitar o seu deslocamento, e não são para ficar ali, parados o tempo todo, obstruindo a passagem das pessoas”, afirma o diretor.

Além de Macapá, o Distrito de Fazendinha também sofre com o transtorno da ocupação desordenada. Os ambulantes tinham autorização para funcionar apenas durante o Macapá Verão, mas eles desobedeceram e ainda estão lá. O pior é que eles funcionam a noite inteira, causando transtornos aos moradores”, contou o diretor, afirmando que a fiscalização vai chegar por lá.   

 

Compartilhamentos