Compartilhamentos

Policiais do Batalhão de Rádio Patrulhamento Motorizado (BRPM) tiveram dificuldades para prender uma dupla que trafegava em uma moto na manhã deste domingo, 2. Durante a perseguição, os suspeitos avançaram sinais vermelhos, preferenciais e até usaram a contramão na Rua Hildemar Maia, na Zona Sul de Macapá, para tentar escapar da equipe. A perseguição só parou depois que os dois sofreram um acidente.

A equipe do BRPM estava em patrulhamento por volta das 5 horas da manhã quando avistou dois homens em uma moto no Bairro do Beirol. Os dois decidiram fugir quando viram a viatura e começou uma perseguição.

Jerffson Luan Nascimento dos Santos, de 20 anos, era quem conduzia a moto. Foto: BRPM

Jerffson Luan Nascimento dos Santos, de 20 anos, era quem conduzia a moto. Foto: BRPM

Segundo a polícia, o condutor fazia manobras arriscadas em alta velocidade desrespeitando a sinalização em várias ruas, além de colocar em risco a vida de outras pessoas. Ao tentar dobrar na Rua Monteiro Lobato, no Bairro do Buritizal, ele perdeu o controle do veículo e colidiu contra uma calçada.

Depois da queda, os dois levantaram e ainda tentaram fugir, mas foram capturados pelos policiais. O motivo para tenta “pressa” foi logo explicado. Os policiais descobriram, consultando o sistema do Detran, que a placa da moto não batia com o número do chassi do veículo. A placa era de uma moto prata.

Menor foi levado para a Deiai

Menor foi levado para a Deiai

Pelo número do chassi, os policiais entraram em contato com o verdadeiro proprietário do veículo. Ele informou que a moto havia sido roubada durante um assalto em sua residência no último dia 4 de julho, no município de Santana.

Os bandidos só não levaram o carro da família porque não sabiam dirigir veículo com transmissão automática.

Jerffson Luan Nascimento dos Santos, de 20 anos, era quem conduzia a moto. Ele foi levado para o Ciosp do Pacoval onde foi autuado em flagrante por receptação de veículo roubado e direção perigosa. O menor foi levado para a Delegacia de Investigação de Atos Infracionais.  

Compartilhamentos