Compartilhamentos

André Silva –

Um novo sistema que está sendo implantado na Junta Comercial do Amapá (Jucap), chamado de Junta Digital, tem o objetivo de desburocratizar os processos de abertura e encerramento de empresas. Hoje o tempo estimado para a abertura de uma empresa é de 103 dias, mas como novo sistema esse tempo será de apenas uma hora.

“Estamos dando uma resposta à população que há muito tempo espera por um atendimento mais rápido. Toda essa burocracia atrapalha a vida do empresário, que só vai começar a gerar emprego e renda depois de um ano”, disse o presidente da Junta Comercial, Gilberto Laurindo.

Os interessados em abrir empresas não vão mais precisar enfrentar filas. Fotos: André Silva

Os interessados em abrir empresas não vão mais precisar enfrentar filas. Fotos: André Silva

O presidente ressalta a importância dos contadores, responsáveis pela abertura de empresas, se integrarem à nova ferramenta, pois o perfeito funcionamento do sistema vai depender da habilidade de cada um deles.

“Por isso nós marcamos uma reunião com esses profissionais para a próxima terça-feira, 11, para orientá-los quanto ao funcionamento do programa. Todo o processo vai partir do escritório deles, com isso nós iremos reduzir aquele monte de papel”, ressaltou Laurindo.

Gilberto Laurindo: "Vamos acabar com aqueles montes de papéis

Gilberto Laurindo: “Vamos reduzir aquele monte de papel

A representante da empresa que criou o sistema, Simone Vieira, está dando orientações aos servidores da Jucap. “Nós estamos trabalhando por setor, já que o sistema funciona por etapas. Com isso, ganha a Junta Comercial que elimina aquelas montanhas de papeis, e o usuário na agilidade do processo”, contemporizou Simone, informando que outros seis Estados já utilizam esse sistema.

Compartilhamentos