Compartilhamentos

A organização da 51ª edição da Expofeira anunciou que o governo irá contratar geradores para garantir o fornecimento de energia no Parque de Exposições da Fazendinha durante os 9 dias de evento. A Agência de Desenvolvimento Econômico iniciou um processo de licitação para definir a empresa que fará a geração térmica.

De acordo com a CEA, o alimentador não tem capacidade de atender toda a demanda, o que poderia ocasionar interrupções no fornecimento. Com a contratação de geração térmica, o evento passará a ter energia independente. Serão produzidos por dia cerca de 2.500 KVA.

A manutenção ficará por conta da CEA para reduzir custos. “A contratação da geração, operação e manutenção seria um custo alto, por isso fizemos a parceria com a CEA que fará o serviço sem gerar custos para o Estado e vamos contratar apenas a geração de energia”, explicou o secretário das Cidades e coordenador geral da Expofeira, Alcir Matos.

Em 2009, durante a que foi considerada a maior edição já realizada da Expofeira, houve problemas com o fornecimento. Foi a primeira vez em que foi necessário contratar energia excedente.

A Expofeira está confirmada para o período de 30 de outubro a 8 de novembro.

Compartilhamentos