Compartilhamentos

Jair Zemberg

A Delegacia de Crimes Contra a Pessoa (Decipe) prendeu no fim da tarde deste sábado, 22, dois dos quatro acusados de participar do assassinato de um rapaz de 20 anos que havia denunciado o bando por assaltos no Bairro Universidade, Zona Sul de Macapá. A vítima era vizinho dos acusados e havia denunciado o grupo formalmente por vários crimes.

O assassinato aconteceu no dia 14 de julho. Kleberson Martel da Silva, 20 anos, teve a casa invadida na área de pontes da Avenida Luiz Azarias Neto, no Universidade, dois dias depois de ter ido à delegacia fazer a denúncia.

Wellington seria o financiador do grupo

Wellington seria o financiador do grupo

A invasão foi feita por 3 criminosos, um deles armado. Segundo a polícia, a quadrilha era acostumada a assaltar ônibus e residências. Uma das casas invadidas seria de Kleberson.

O assassinato passou a ser investigado pelo delegado Ronaldo Coelho, da Decipe. Neste sábado a Justiça decretou a prisão de Wellington Ramon Pinto, de 23 anos, e Diego Borges Souza, 19 anos, o “Becão”. Wellington seria o financiador do grupo e teria emprestado a arma que matou Kleberson. Becão teria efetuado os tiros na vítima.

Outros dois bandidos que também invadiram a casa no dia do assassinato fugiram do Estado logo em seguida para a cidade de Portel (PA), onde depois foram presos pelo assassinato de um comerciante durante um assalto.

O delegado Ronaldo Coelho vai pedir a transferência deles para que também respondam pelo assassinato em Macapá.

Compartilhamentos