Compartilhamentos

Durante o banho de sol desta terça-feira, 22, quatro detentos conseguiram fugir do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen). O local por onde ele eles pularam o muro tinha uma guarita, mas ainda não se sabe por que o agente não reagiu.

A fuga ocorreu por volta das 11 horas. Os quatro detentos pertencem ao Pavilhão F3, onde existem atualmente cerca de 150 presos cumprindo penas.  O agente que estava na guarita não teria visto a aproximação do grupo, e nem quando jogaram a “Teresa” (corda artesanal feita de roupas) por cima do muro.

Minutos depois a fuga houve o alarme, e as equipes de agentes do Grupo Tático Prisional, com uso de cães farejadores, entrou na mata que fica atrás do presídio.

Não demorou para que fossem recapturados José Marlúcio Pereira de Souza, que cumpre pena por assalto e furto;  Madson de Oliveira Borges (foto acima), condenado também por assalto e furto; e Francisco de Assis dos Santos Silva, preso por tráfico e assaltos.  

Ainda falta recapturar Ednaldo Brito Aimoré, também condenado por assaltos. Equipes estão na área de mata procurando pelo criminoso.

A maioria das guaritas do Iapen está ativa, por isso a fuga será investigada pela corregedoria. “Temos que aguardar chegar a ocorrência pra gente fazer o encaminhamento à corregedoria. Os 3 recapturados já foram encaminhados pra atendimento médico e perícia na Politec. Em seguida vão para o Ciosp”, resumiu a chefe de gabinete do Iapen, Neila Souza.

Foto: GTP

 

Compartilhamentos