Compartilhamentos

O atleta de maratonas Alberto Monteiro da Silva, de 50 anos, está internado em estado gravíssimo na UTI do Hospital de Emergência de Macapá. Ele foi esfaqueado durante uma tentativa de assalto na tarde desta terça-feira, 29, no Bairro do Buritizal, Zona Sul.

Parentes informaram que Alberto estava indo para a casa de uma namorada pela manhã. Há várias versões para o que ocorreu com ele. Algumas testemunhas relataram que os bandidos queriam a bicicleta da vítima.

“Mas alguns amigos dizem que nunca viram ele de bicicleta, e que na verdade o bandido teria roubado o celular e ferido ele por pura maldade”, relatou o presidente da Federação de Atletismo do Amapá, Aldir Dantas, que foi até o Hospital de Emergência acompanhar o atendimento ao atleta.

Segundo informações de funcionários do HE, a facada passou a milímetros do coração e da veia aorta, atingindo um pulmão e a traqueia. O atleta recebeu dois drenos no tórax e está em coma.

“O médico disse que é preciso esperar as primeiras 24 horas para avaliar a reação dele”. Informou Dantas. Um dos bandidos foi identificado como “Pin”, e está foragido.

Alberto é muito conhecido no atletismo amapaense por ter participado de competições nacionais, entre elas a São Silvestre (SP) por seis vezes. À noite ele trabalha como garçom.

Compartilhamentos