Compartilhamentos

Jair Zemberg – O Bope prendeu quatro pessoas suspeitas de participar do assalto à casa de um empresário dos ramos madeireiro e moveleiro no Bairro Nova Brasília, no município de Santana. O empresário foi torturado durante meia hora para que entregasse dinheiro e joias aos bandidos.

O assalto ocorreu por volta das 4h30min. O empresário mora sozinho. Os três assaltantes estavam armados e foram bastante violentos. Agrediram a vítima com socos, coronhas e chutes, e fugiram da residência levando o carro do empresário, uma Saveiro vermelha, além de um televisor, dinheiro e das joias que o bando queria desde o início.

Saveiro levada pelo bandidos seria vendida por R$ mil.  Fotos: Jair Zemberg

Saveiro levada pelo bandidos seria vendida por R$ mil.
Fotos: Jair Zemberg

A partir de denúncias anônimas e com apoio de informantes, o Bope conseguiu prender todos os acusados. Uma quarta pessoa é suspeita de dar apoio logístico ao grupo, mas isso ainda será investigado pela Polícia Civil.

As prisões começaram no início da noite de sábado, 26, e continuaram em Macapá, Santana e no município de Porto Grande (105 quilômetros de Macapá), onde os policiais encontraram o carro do empresário. Ele estava guardado em uma casa e seria vendido por R$ 4 mil, segundo a polícia.

Bandidos levaram dinheiro e um televisor do empresário

Bandidos levaram dinheiro e um televisor do empresário

Na mesma casa onde o veículo estava escondido, os policiais encontraram porções de crack. A dona da casa e o filho dela foram presos.

Todos os suspeitos foram levados pelo Bope para a Delegacia de Polícia do Igarapé da Fortaleza, em Santana, para autuação e flagrante. A dona da casa em Porto Grande e o filho dela ficaram presos no próprio município.

Acusados foram levados para a delegacia que funciona na UPC do Igarapé da  Fortaleza

Acusados foram levados para a delegacia que funciona na UPC do Igarapé da
Fortaleza

Compartilhamentos