Compartilhamentos

A 51ª Expofeira só começa em 9 dias, mas os empreendedores interessados já podem acessar as linhas de crédito disponíveis para o evento. Ao todo estão reservados mais de R$300 milhões em financiamentos. O prazo para pagamento é será de até 120 meses.

As instituições disponíveis para empréstimos são: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco da Amazônia (Basa), Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob) e Agência de Desenvolvimento do Amapá. Os financiamentos podem ser utilizados para capital de giro, estruturação física ou reforma da empresa, expansão dos negócios e aquisição de equipamentos.

O prazo mínimo  para pagamento é de 36 meses.

“De fato existe uma burocracia na documentação que é maior, mas o empreendedor tem que se preparar pra isso, principalmente para o prazo de carência. Entendemos que não é época de retrair, é sim de motivar para que a economia volte a crescer”, avalia o presidente da Agência, Eliezir Viterbino.

Eliezir Viterbino: não é o momento de retrair, mas sim, de estimular. Foto: Cássia Lima

Eliezir Viterbino: não é o momento de retrair, mas sim, de estimular. Foto: Cássia Lima

A Agência de Desenvolvimento do Amapá está coordenando as linhas de financiamento. Segundo o presidente, as empresas e produtores interessados devem procurar os bancos ou a própria agência para ter orientações de como acessar o crédito. 

Uma equipe de técnicos da Agência de Desenvolvimento, da Afap, da Federação das Entidades de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Amapá (Femicro), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Sebrae estarão tirando as dúvidas dos empreendedores

Nos dias da Expofeira, salas de treinamento estarão localizadas no Pavilhão de Negócios, onde também estarão os estandes dos bancos para financiamento. A Expofeira ocorrerá entre os dias 30 de outubro e 8 novembro.

Compartilhamentos