Compartilhamentos

O Centro Integrado de Operações em Defesa Social (Ciodes) registrou 10 assaltos em menos de 12 horas de plantão, a maioria em Macapá, entre a tarde de quinta-feira e a madrugada de sexta-feira, 16. Desse total, 6 ocorreram em estabelecimentos comerciais e três em residências. Também houve um assalto a uma clínica no Bairro do Laguinho, área central da capital. Uma funcionária escondida no banheiro foi quem chamou a polícia.

O assalto à clínica Otomax, na Avenida José Antônio Siqueira, ocorreu por volta das 17 horas. Um homem e uma adolescente, aparentando ter 14 anos, entraram na clínica armados e anunciaram o assalto. Um paciente reagiu ao assalto e foi ferido com um tiro de revólver calibre 38 na região lombar.

Enquanto a vítima estava caída no chão, os bandidos roubaram todos os clientes e funcionários, levando celulares, relógios e joias.

Os assaltantes fugiram em uma moto BIZ de cor vermelha antes da chegada da Polícia Militar que foi avisada por uma funcionária que teve tempo de se esconder no banheiro quando percebeu a invasão dos criminosos. A vítima do tiro foi levada para o Hospital de Emergência e não corre risco de morte. 

Outros assaltos ocorreram nos bairros Ypê, São Lázaro, Illha Mirim, Nova Esperança, Fazendinha, Buritizal, Pacoval, Centro e no município de Santana.  

Em um dos casos, no Bairro Ypê, na Zona Norte de Macapá, os bandidos chegaram a utilizar um caminhão para transportar todos os objetos da casa, entre eles geladeira e fogão.  Outro detalhe importante é que na maioria dos crimes nenhum suspeito foi preso. 

Compartilhamentos