Compartilhamentos

Jair Zemberg – Equipes da Capitania dos Portos no Amapá com apoio da Polícia Federal deflagraram nesta quarta-feira, 21, uma operação em canais fluviais da capital. O objetivo era fiscalizar o transporte fluvial, mas as equipes encontraram muita madeira ilegal. Três embarcações foram retidas e as mercadorias apreendidas.

Polícia Federal deu apoio para a operação que ocorreu em todo o país. Fotos: Jair Zemberg

Polícia Federal deu apoio para a operação que ocorreu em todo o país. Fotos: Jair Zemberg

Os trabalhos se concentraram nos canais das Pedrinhas e Jandiá. Foram encontradas embarcações sem a documentação exigida. Em uma delas, que vinha do município de Breves (PA), a Capitania e a PF encontraram muita madeira clandestina, pelo menos 25 dúzias. A tripulação também não tinha documentação, incluindo o comandante.

O transporte de madeira precisa ter o documento de origem florestal (DOF), que comprova que a madeira não é fruto de desmatamento ilegal. A operação ocorreu simultaneamente em todo o Brasil. O Batalhão Ambiental da PM foi chamado para periciar a madeira apreendida.

A carga foi perdida, mas os barcos ainda podem ser liberados. Os tripulantes e responsáveis foram encaminhados a Capitania dos Portos solicitar a regularização dos barcos. A Capitania ainda não informou o resultado final da operação.  

Compartilhamentos