Compartilhamentos

JAIR ZEMBERG –

A Polícia Civil do Amapá ainda não tem pistas dos criminosos que executaram um adolescente a tiros no Bairro Cidade Nova, na Zona Leste de Macapá, na madrugada desta quinta-feira, 3. A família disse à polícia que ele pode ter sido morto por engano por ser parecido com um criminoso que age no bairro.

O crime aconteceu por volta da 00h30min, na Rua 25 de Dezembro. Sidney Roberto de Souza Cordeiro, de 17 anos, estava na frente de uma casa com outras pessoas quando um carro preto e peliculado chegou. Um dos ocupantes baixou o vidro e atirou cinco vezes no jovem, que foi ferido na cabeça e no peito.

Adolescente estava na frente da casa com outras pessoas quando os assassinos chegaram. Fotos: Jair Zemberg

Adolescente estava na frente da casa com outras pessoas quando os assassinos chegaram. Fotos: Jair Zemberg

Sidney Roberto foi socorrido por uma equipe do Samu e levado para o Hospital de Emergência (HE), mas morreu antes de receber atendimento.

Parentes afirmaram que Sidney não tinha passagens pela polícia, mas possuía uma semelhança física muito grande com um bandido que já cometeu vários assaltos e arrombamentos no Cidade Nova.

Compartilhamentos