Compartilhamentos

 

OLHO DE BOTO

Mais uma ação criminosa terminou com pessoas transformadas em reféns na Zona Norte de Macapá. Desta vez, dois bandidos invadiram o escritório de uma empresa em busca de um cofre que eles não conseguiram abrir e ainda foram surpreendidos pela chegada da Polícia Militar.

O crime aconteceu por volta das 8h e se estendeu por mais de duas horas e meia. A empresa funciona em frente ao conjunto Morada das Palmeiras, no trecho urbano da BR-210. De acordo com a PM, os bandidos encontraram o cofre e tentaram usar um maçarico da própria empresa para fazer o arrombamento. Contudo, eles não conseguiram fazer o equipamento funcionamento.

Acusados foram levados para o Ciosp onde serão identificados

Acusados foram levados para o Ciosp onde serão identificados

Foi nesse momento que surgiu uma viatura do 2º Batalhão da Polícia Militar que surpreendeu os bandidos. Os funcionários viraram reféns, e os bandidos começaram a fazer as exigências de praxe. Queriam a presença da imprensa e um colete à prova de balas.

Depois de duas horas de negociações conduzidas pelo Bope, os criminosos se entregaram. Dois são maiores e um adolescente foi detido acusado de dar cobertura para a dupla.

Pistola e simulacro

Pistola e simulacro. Qual será a verdadeira?

A PM apreendeu com os criminosos uma pistola importante e um simulacro (réplica de arma de fogo). Todos foram levados para o Ciosp do Pacoval aonde serão identificados e autuados em flagrante.

Foi a segunda ocorrência esta semana envolvendo reféns, ambas na Zona Norte. Na quinta-feira, 7, um bandido conhecido como “Davizinho” matou uma mulher no Bairro São Lázaro e na fuga invadiu a paróquia do bairro fazendo adolescentes que ensaiavam no coral reféns.

Compartilhamentos